diretrizes de Diversidades e inclusão

Para a Estampa Brasil a valorização da diversidade abrange o respeito à vida e a dignidade de todos os seres humanos, considerando todas as manifestações das diferenças, nos gêneros e orientações sexuais, nas raças e etnias, nas religiões, nas culturas, nas convicções políticas, entre outras.

Na nossa política de equidade de gênero e de valorização da diversidade reafirmamos o compromisso permanente de contribuir para a eliminação de todas as formas de desigualdade e discriminação em nosso ambiente de trabalho e nas instituições que participam de nossa cadeia de relacionamentos.

Com a intenção de conscientizar e reconhecer que o equilíbrio de gênero é um dos fatores mais importantes para o desenvolvimento e crescimento da sociedade. As diferenças entre as pessoas é o que se tem de mais rico. Na diversidade aprendemos com as infinitas possibilidades que toda essa mistura pode nos oferecer.

Quanto mais diversidade mais equilíbrio. Pessoas diversas, pessoas pensando diferente, pessoas de origens diferentes, pessoas que tiveram vivências diferentes unidas conseguem alcançar soluções diferenciadas.

A diversidade está diretamente ligada a isso. Pessoas diversas geram valor, assim, além de estimular justiça socioeconômica realizamos a real inclusão da diversidade nos ambientes.  Melhores oportunidades nos possibilita que tenhamos uma melhor performance para que  juntos possamos minimizar os impactos e transformar as diferenças e injustiças sociais .
 

A atuação da Estampa Brasil em seu ambiente corporativo e em suas relações com a sociedade orienta-se pelas seguintes diretrizes de equidade de gênero e da valorização da diversidade:

I. ser reconhecida como uma empresa inclusiva e capaz de compreender e atender as necessidades da nossa sociedade;

II. atuar na erradicação de todas as formas de discriminação e violência contra as mulheres;

III. buscar o equilíbrio de gênero na composição do quadro de executivos;

IV. tornar o ambiente empresarial mais receptivo à diversidade humana;

V. contribuir para a eliminação de todas as formas de discriminação no acesso, remuneração, oportunidades de desenvolvimento, movimentação interna, ascensão e permanência no emprego;

VI. estimular todos os fornecedores e parceiros da cadeia de relacionamentos a adotar políticas de valorização da mulher, de promoção da equidade de gênero e de respeito a diversidade em suas relações internas e externas;

VII. estimular projetos que propiciem geração de renda e oportunidades de emprego para as mulheres, que as beneficiem diretamente ou que facilitem sua participação no desenvolvimento; 

VIII. reconhecer e disseminar publicamente o compromisso com a equidade de gênero e com a valorização da diversidade no mundo.